Monday, March 13, 2006

Lambsprinck, a pedra filosofal


Deste poeta alquimista pouco se sabe , a não ser que o tratado DE LAPIDE terá sido a sua única obra.Publicado primeiro em latim em 1599 e em alemão em 1625 foi conhecido de Nicolas Flamel que o cita no Livre de Figures... e influenciou certamente Michael Maier na sua Atalanta Fugiens .Maier inclui o tratado no MUSAEUM HERMETICUM ,logo na primeira edição de 1625 que foi seguida de várias outras.
As gravuras com que são ilustrados os poemas ajudam a um melhor entendimento do significado simbólico do "empreendimento" que é o trabalho, a Obra do filósofo.No caso da serpente alquímica são de notar a Segunda e a Sexta Figuras.
Reza o poema da Segunda:
" O filósofo diz agora
que a floresta esconde um animal
todo coberto de negro.
Se alguém lhe cortar a cabeça
perderá sua côr negra
revestindo-se de um branco muito puro.
Procurai o sentido verdadeiro:
ao negro chama-se cabeça de corvo.
Quando desaparecer
surgirá a côr branca."

A legenda que encima a gravura, com o título de Putrefacção ,acrescenta mais sentido: "aprendei aqui a ver depressa /o animal negro na floresta".
O negro, seja dragão, corvo, serpente, aponta a fase de que toda a Obra partirá pelo trabalho paciente do adepto.


Na sexta figura a legenda chama a atenção para o facto de o veneno do dragão conter a medicina.Eis o poema:


"Um horrível dragão habita na floresta.
Cheio de veneno, nada lhe falta.
....
O seu veneno dará a medicina suprema.
Consome logo o veneno
devorando a própria cauda.
....
Os sábios no fim verão estas energias
e maravilhados alegrar-se-ão."

Não é preciso comentar muito mais. Este dragão que se enrola devorando a própria cauda é o OUROBOROS da alquimia grega, a serpente das energias complexas e contrárias mais profundas,que a denominação de negro/branco, veneno/medicina, etc,representa. Jung diria que estamos perante o jogo do inconsciente /consciencia de que dependem tantas vezes questões de vida ou de morte ainda que simbólicas.
(Deixo para os curiosos a nota da edição de que parti, nestas citações: Lambsprinck,LA PIERRE PHILOSOPHALE, Archè, Milão, 1971 )

3 comments:

Anonymous said...

Hello There. I found your blog using msn. This is a very well written article.
I'll make sure to bookmark it and come back to read more of your useful information. Thanks for the post. I will certainly comeback.

Also visit my web blog; magic of making up

Anonymous said...

Having read this I thought it was really enlightening.
I appreciate you spending some time and effort to put this
information together. I once again find myself spending a lot of time both reading and
leaving comments. But so what, it was still worth it!

My blog post; ford ranger forum

Anonymous said...

Hello there! I could have sworn I've visited your blog before but after going through many of the posts I realized it's
new to me. Anyways, I'm definitely delighted I discovered it and I'll be book-marking it and checking back often!


Look at my site: ford Ranger